sábado, 31 de dezembro de 2011

Em novo percurso, Marílson busca o tetra para igualar Brasil ao Quênia

Marílson vai em busca de sua quarta vitória na São Silvestre
Foto: Agência Lance

O percurso da São Silvestre mudou para 2011, mas o desafio do tricampeão Marílson Gomes dos Santos e outros atletas brasileiros de conter os favoritos quenianos e outros africanos permanece para a 87ª edição da Corrida, realizada neste sábado. A partir das 17h30 (horário de Brasília), o atleta busca o quarto título na tradicional prova paulistana para aumentar seu recorde e deixar Brasil e Quênia empatados com 12 títulos do evento masculino.
Marílson é o maior vencedor brasileiro da fase internacional da São Silvestre, com três títulos, 2003, 2005 e 2010, mas o recordista da prova ainda é o queniano Paul Tergat. O atleta africano venceu cinco vezes, em 1995, 1996, 1998, 1999 e 2000, e também é dono do melhor tempo: 43min12s, estabelecido em sua primeira vitória na cidade.
"O Quênia tem corredores de ponta e são favoritos em todas as corridas pelo mundo. Dessa vez não será diferente. Chegar próximos deles e até vencer é um motivo de orgulho para os brasileiros, que sempre rivalizam de igual para igual com os africanos", avalia Marílson.
Para conquistar o tetracampeonato, Marílson terá que se adaptar à mudança do percurso da São Silvestre. Entre as alterações, a principal é o local de chegada da prova, que deixa de ser na Avenida Paulista e passa a ocorrer na Pedro Álvares Cabral, em frente ao Obelisco do Ibirapuera, onde estão os restos mortais de Cásper Líbero, criador da disputa.
A medida foi tomada para garantir aos atletas segurança, melhores condições de entrega de medalhas, lanches e atendimento médico, além de evitar o encontro de corredores com o público da festa do Réveillon, na Avenida Paulista.
"Eu conhecia muito bem o trajeto antigo, era uma vantagem que eu tinha e que agora não terei. Mas o importante é estar bem. Não adianta conhecer as rotas de fuga e não estar em boas condições para correr. Se a mudança der mais conforto para quem for participar, é válida. Torço para que a São Silvestre tenha o mesmo sucesso dos anos anteriores", afirma Marílson.
Em 2011, o principal atleta estrangeiro na corrida é o queniano Martin Lel, tricampeão da Maratona de Londres e duas vezes vencedor da de Nova York. Ele correu em São Paulo em 2003, ano da primeira vitória de Marílson, e ficou com a terceira colocação. Agora, retorna em busca do título.
O Brasil evoluiu tecnicamente e, mesmo com nossa equipe completa, é difícil de derrotar os corredores quando competem em casa", diz Lel. Os outros africanos na elite da São Silvestre são os quenianos Duncan Kibet, Mathew Kisorio, Barnabas Kosgei, Mark Korir e o etíope Tariku Bekele, irmão mais novo do recordista mundial e campeão olímpico dos 5 mil e 10 mil metros, Kenenisa Bekele.
Entre as mulheres, que largam 20 minutos antes, às 17h10, o desafio de frear as estrangeiras é ainda mais complicado. A última atleta nacional a vencer em casa foi Lucélia Peres, em 2006, e o time de atletas internacionais está forte. Uma das principais candidatas ao título é a queniana Eunice Kirwa, tricampeã da Meia Maratona de São Paulo e terceira colocada no ano passado.
"Hoje a vantagem é das quenianas, mas é notória a aproximação das brasileiras, que rivalizam cada vez mais com as africanas", diz Lucélia. O Quênia é dono de oito títulos. O Brasil, de cinco.
"A prova é bem rápida e as brasileiras precisam aumentar a passada para não deixar as favoritas escaparem. Será um sonho vencer a São Silvestre e vou fazer de tudo para fechar o ano em grande estilo", analisa Cruz Nonata, quarta no ano passado e dona de duas medalhas de prata nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara.
Além das duas, a elite brasileira contará com Maria Zeferina Baldaia, campeã da São Silvestre em 2001, Adriana Aparecida da Silva, medalha de ouro na maratona do Pan, e Marily dos Santos, terceira colocada em 2008 e 2009.
Tomado de : http://www.terra.com.br/

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

A 87ª Corrida Internacional de São Silvestre está com novo percurso

A 87ª Corrida Internacional de São Silvestre contará com um novo percurso e a equipe técnica fez uma vistoria para ultimar detalhes para a corrida que acontece amnhã dia 31/12/2011. Confira a matéria na integra:

Vistoria técnica acerta detalhes na véspera da São Silvestre
Por Editorial, Em Notícias
Djalma Vassão/Gazeta Press
Descer a Brigadeiro é o novo desafio da São Silvestre

A organização da Corrida Internacional de São Silvestre realizou na manhã desta sexta-feira uma vistoria técnica no percurso de 15km, para acertar os últimos detalhes da prova, que neste sábado terá sua 87ª edição. Entre os itens verificados estão os locais de largada e chegada, dos postos de hidratação para os 25 mil atletas e posicionamento das barreiras para realização do evento.

"O objetivo da vistoria é colocar todas as partes interessadas juntas, em uma só equipe. A gente mostrou o percurso e a estrutura para o delegado técnico da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo), revisou os postos de hidratação, deixou tudo acertado para amanhã", explicou Rodolfo Eichler, medidor da IAAF (Federação Internacional de Atletismo) de nível A.

Responsável pela aferição do novo percurso em novembro, o engenheiro carioca foi o mestre de cerimônias da vistoria. Em uma van, ele liderou a comitiva da organização que passou pelas ruas que serão tomadas por corredores no sábado. Nos trechos em que o veículo não podia entrar por conta do tráfego, como na região central da cidade, o grupo seguiu a pé.

Um dos pontos de maior atenção dos organizadores na vistoria foi o posicionamento dos seis postos de hidratação, aproximadamente um a cada 2km de percurso. O cálculo é que cada um dos 25 mil atletas utilize 15 copos de água durante a corrida, totalizando 375 mil unidades.

"O percurso está tranquilo, acho que se alguém reclamar vai estar bastante equivocado, para não falar bobagem. Cerca de 80% da prova é plana, só com a subida e a descida da Brigadeiro destoando e não vejo motivos de reclamação", atestou o presidente da Federação Paranaense de Atletismo e delegado técnico da CBAt para a São Silvestre, Ubiratan Martins Júnior.

A Polícia Militar do Estado de São Paulo também aproveitou o evento para estabelecer o planejamento dos batedores da Rocam (Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas), que atuarão durante a prova, protegendo os atletas de elite nas ruas de São Paulo.

A cada parada da comitiva, Rodolfo Eichler e o sargento Luna conversavam para definir o trajeto que as motocicletas devem fazer para não atrapalhar os corredores, que, devido ao novo percurso, devem baixar os tempos em relação aos anos anteriores. Em 2010, o brasileiro Marílson Gomes dos Santos conquistou a vitória com a marca de 44min04s.

"Vai ficar uma prova mais rápida, sem dúvida. Se não estiver um sol muito forte na hora da corrida, acho que os tempos vão cair bastante, até porque o grupo de atletas que está aí é muito rápido", avaliou Ubiratan.

Vem aí a Corrida de Reis


Largada da Corrida de Reis

A maior corrida de rua do DF tem nova data e promete ser a maior da sua história.
A maior corrida de rua do Distrito Federal, a Corrida de Reis, foi lançada nesta terça-feira (20) em coletiva de imprensa. Com nova data, marcada para o dia 28 de janeiro, o Governo do Distrito Federal espera receber seis mil inscritos nesta 42ª edição e promete fazer do evento a maior Corrida de Reis já realizada. Assim como no ano anterior, as inscrições serão gratuitas.

“Há muitos anos, nós atletas reivindicávamos uma nova data da Corrida, pois, por ser muito no começo do ano, ela ficava próximas às festividades e muito perto da Corrida de São Silvestre, o que prejudicava os treinos de alguns corredores”, disse a Presidente da Federação de Atletismo do Distrito Federal, e pentacampeã da prova, Carmem de Oliveira.

A prova terá dois percursos. O principal, de 10 km, terá largada no Ginásio Nilson Nelson, sentido Palácio do Buriti, passando pelo Centro de Convenções, Esplanada dos Ministérios e Congresso Nacional. O retorno ocorrerá no sentido do Teatro Nacional, com subida no Eixo Monumental e com a chegada no Nilson Nelson. No percurso participativo, de 6 km, os atletas retornarão a partir da rodoviária do Plano Piloto.

As novidades vão além da prática do esporte e do incentivo à saúde. O GDF quer também que todos os brasileiros venham conhecer Brasília e seus pontos turísticos. Em uma parceria com a Secretaria de Turismo, foi firmado um convênio com a Brasília Convention e a Abrasel DF, para descontos em hotéis e restaurantes da cidade. “Queremos trazer participantes de fora do estado para conhecer melhor Brasília. Poucas cidades do mundo apresentam a magnitude dos pontos turísticos da capital federal. Com as parcerias, ofereceremos descontos e atividades para uma vasta programação turística”, comentou o secretário de Turismo, Luís Otávio Neves.

Os moradores do DF também terão benefícios. A Secretaria de Esporte disponibilizará ônibus gratuitos para trazer os atletas que fizerem suas inscrições nos Centros Olímpicos. As oito unidades espalhadas pelo DF serão ponto de partida para a competição – Ceilândia, São Sebastião, Samambaia, Gama, Recanto das Emas, Estrutural, Brazlândia e Santa Maria.

“A Corrida de Reis é a segunda mais importante corrida de rua do país, mas queremos mais do que isso: pretendemos transformá-la em um dos maiores eventos do Brasil”, afirmou o secretário de Esporte, Célio René.

Tradição – A Corrida de Reis acontece desde 1971. Na primeira edição, 42 atletas largaram no eixo rodoviário sul e chegaram à antiga sede da TV Brasília, situada na época na W3 sul. Em 2011, 3.500 pessoas se inscreveram oficialmente. A Corrida de Reis se tornou a maior corrida de rua do Distrito Federal e já contou com a participação de atletas olímpicos. Os desportistas Carmem de Oliveira (cinco vezes campeã) e Valdenor do Santos (sete medalhas) são os maiores vencedores da Corrida até hoje.

As inscrições começam esta semana. Fique ligado em nosso site para conferir os horários e locais.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Etapa Final dos Jogos Abertos do Tocantins definiu os campeões de 2011


Equipe Campeã do Futsal Feminino - Paraíso do Tocantins

Definidos os campeões da etapa final dos Jogos Abertos do Tocantins.
Reinaldo Cisterna
Foto: Ronnie Cleber

Com a participação de 900 atletas de 28 municípios, terminou no último final de semana na cidade de Araguaína – a fase final dos Jogos Abertos do Tocantins – competição que reuniu todos os campeões das 11 etapas disputadas – nas modalidades coletivas ( futsal, voleibol, handebol (masculino e feminino) e futebol society (masculino), e na categoria individual (xadrez).

Campeões
No xadrez, a campeã foi a cidade de Augustinópolis. No futsal feminino, o título ficou com as meninas de Paraíso, enquanto no masculino, a campeã foi a cidade de Guarai. Já na modalidade de handebol masculino, o campeão foi Colinas, e no feminino, Wanderlândia ficou com a taça. No voleibol masculino, a primeira colocação foi do município de Tupiratins, com Araguaína levando a melhor na categoria feminino. E no futebol sete society, o campeão foi Colinas.

O evento é uma realização da Sejuves – Secretaria Estadual da Juventude e dos Esportes, em parceira com as prefeituras que sediaram a competição.

Saiba mais
Fase final dos Jogos Abertos do Tocantins – Araguaína
• 900 Atletas

• 28 Municípios participantes: Itaporã, Guaraí, Pequizeiro, Tupiratins,  Araguacema, Arraias, Almas, São Valério da Natividade, Porto Alegre do Tocantins, Peixe, Paraíso, Lajeado, Miranorte, Colinas, Arapoema, Pau d’Arco, Santa Fé, Wanderlândia, Araguanã, Palmeirópolis, Alvorada, Tocantinópolis,  Darcinópolis, Augustinópolis, Araguatins, Ananás e Palmas.

• Locais que sediaram os Jogos: Ginásio São João, Ginásio Neblina, Ginásio JK, Ginásio Eldorado e Estádio Gauchão – todos em Araguaína.

• Campeões por modalidade:
Xadrez: 
1° lugar: Augustinópolis
2° lugar: Tocantinópolis

Futsal Masculino: 
1° lugar: Guarai
2° lugar: Araguaína

Futsal Feminino: 
1° lugar: Paraíso
2° lugar: São Valério da Natividade

Handebol Masculino: 
1° lugar: Colinas
2° lugar: Wanderlândia

Handebol Feminino: 
1° lugar: Wanderlândia
2° lugar: Tocantinópolis

Voleibol Masculino: 
1° lugar: Tupiratins
2° lugar: Araguatins

Voleibol Feminino: 
1° lugar: Araguaína 
2° lugar: Tocantinópolis

Futebol 7 Society: 
1° lugar: Colinas
2° lugar: Darcinópolis

• Total de Público: 6 mil pessoas

Ao longo dos jogos houve 11 etapas regionais que definiram os finalistas para a fase decisiva. Apenas os campeões de cada regional e modalidades garantiram o direito de disputar a etapa Final em Araguaína.

• Número de cidades que participaram ao longo dos Jogos: 91 cidades dos 139 Municípios.

• Número de Atletas que participaram de todas as etapas: 6 mil atletas

• Público envolvido em todas as etapas: 31 mil pessoas. 

domingo, 18 de dezembro de 2011

Eliésio Miranda é tricampeão da Meia Maratona do Tocantins






















Foto: Glauber Matos e Alfredo Sosa Zamora

Eliésio Miranda é tricampeão da Meia Maratona do Tocantins (2004/2010/2011) e o atleta de Araguaína, Antônio Wilson, conquistou a segunda colocação. Os dois passaram pela linha de chegada lado a lado e de braços erguidos, mas a organização da prova ressaltou que por causa da precisão do chip eletrônico o vencedor desta edição da prova foi o atleta Eliésio Miranda, com o tempo de 1h12m08s. Antônio Wilson cravou o tempo de 1h12m09s. A 11ª edição da Meia Maratona do Tocantins aconteceu na manhã deste domingo, 18, com saída e chegada no estacionamento da futura catedral de Palmas, na Praça dos Girassóis. O evento contou com a participação do secretário da Juventude e dos Esportes, Olyntho Neto, que deu a largada, entregou medalhas e troféus aos participantes da corrida.

Mais de 600 atletas vindos de vários lugares do País e do Estado participaram da Meia Maratona. Na prova feminina geral, a vencedora foi a atleta Maria Barroso, de Brasília (DF), com o tempo de 1h32m07s. Já na prova dos 7 km, o campeão da corrida foi o atleta da cidade de Ceilândia (DF), Paulo Crus da Silva - que cravou o tempo de 25m51s. 

Juntos Eliésio e Antônio, após a corrida disseram que resolveram chegar juntos na linha de chegada, pois queriam premiar um ao outro devido à boa amizade que ambos têm fora das pistas. Segundo o tricampeão o que vale é que ambos chegaram juntos. “Somos muito amigos e quero apresentar a todos meu futuro substituto, que é o Antônio Wilson”, destacou Eliésio. Já o corredor de Araguaína disse ter ficado feliz com esta atitude de Eliésio. “Na verdade nós combinamos de fazer isso e não deixar que outro corredor que não fosse do Estado vencesse a prova”, comentou o araguainense. Eliésio Miranda recebeu a quantia de R$ 1.200,00, e o segundo colocado R$ 700,00, mais troféu. Todos os atletas que concluiram o precurso receberam medalha de participação.

Já na prova dos 7 km, os vencedores por categorias receberam R$ 100,00 e os segundos colocados R$ 80,00. A corrida foi organizada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Juventude e dos Esportes. (Reinaldo Cisterna)

Resultados (Resultados completos no site:
Meia Maratona – 21km.097 metros
Geral masculino

1º Eliésio Miranda – Palmas – 1h12m08s
2º Antônio Wilson – Araguaína – 1h12m09s
3º Jormen Freire Nsacimento – Brasília (DF) – 1h13m26s


Geral feminino
1º Maria Barroso – Brasília (DF)
2º Eliete Teodoro - Brasilia -DF
3º Ilza Barbosa – Palmas (TO)


Corrida Popular – 7 km – Geral Masculino
1º Paulo Crus da Silva – Ceilândia (DF) – 25m51s
2º Alberto Honorio Costa – Ceilândia (DF) – 26m56s
3º Gilvan Miranda Cardoso – Guaraí (TO) – 27m45s


Corrida Popular – 7 km – Geral Feminino
1º Marra Rossi de Sousa – 36m40s
2º Sonaria Grabriela – Palmas – 37m27s
3º Keyla Cariolano Batista 0- Palmas- 40m06s


Categoria Corrida para Crianças
12 a 13 anos masculino
1º Gustavo Almeida Carvalho – 5m15s
2º Gabriel Victor da Silva – 5m26s
3º Matheus de Moura – 5m44s


14 anos – Masculino
1º Wesley Fernandes – 5m53s
2º José Batista Carvalho – 6m13s
3º Aluisan Ribeiro – 8m38s


10 a 11 anos Feminino
1º Cinthya Araújo da Silva – 5m49s
2º Beatriz da Silva Mota – 7minutos
3º Beatriz Cerqueira – 7m05s


12 a 13 anos Feminino
1º Lais Vieira Lopes – 5m43s
2º Itala Jorrane Silva – 7m55s
3º Giulian Souza – 7m55s

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Meia Maratona do Tocantins contará novamente com participação internacional




A 11ª edição da Meia Maratona do Tocantins terá novamente participação internacional, nesta quinta-feira, dia 15/12/2011 foi confirmada a presença do atleta costarriquense, trata-se de Jaime Acosta Niño. Em 2004 o evento contou com  a presença de Laurent Migaire, atleta francês, 3º colocado geral e em 2008 foram 3 quenianos (dois homens e uma mulher), sendo que dois deles subiram ao pódio, Julius Kipkogei Busienei, 2º colocado geral e Lydia Jerotich Rutto, 2ª colocada geral.

As inscrições para a 11ª Meia Maratona do Tocantins foram prorrogadas até sábado dia 17/12/2011. Os interessados deverão procurar a Secretaria da Juventude e dos Esportes do Tocantins munidos de documentos de identificação e 1 quilo de alimento não perecível. As pessoas que já se inscreveram podem passar para pegar seu número até o sábado sempre em horário comercial. O chip da corrida será entregue no dia da prova a partir das 06h30.

Como nos anos anteriores o evento contará com uma corrida para crianças, com idades entre 10 e 14 anos, uma corrida popular de 7 km para pessoas a partir de 15 anos e a prova principal de 21 km 097 m para pessoas a partir de 18 anos.

No total serão R$ 10 mil reais em premiação, repartidos entre as diferentes categorias.

Fotos: Osterno Parrião

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Inscrições para a Meia Maratona do Tocantins encerram no dia 14 de dezembro de 2011



A 11ª edição da Meia Maratona do Tocantins será realizada no dia 18 de dezembro de 2011 na cidade de Palmas, Tocantins. A corrida é organizada pelo Governo do Estado do Tocantins, através da Secretaria da Juventude e dos Esportes desde o ano 2001. Ao longo destes anos contou com a parceria ou apoio de diferentes entidades, entre elas,  Agência de Mobilidade Urbana e Trânsito, Policia Militar do Estado do Tocantins, Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Tocantins, 22º Batalhão de Infantaria, Caixa Econômica Federal, Saneatins, Farma Mais Formula Mais, SESI, SESC, EDP/ Investco, Associação Amigos do Bem, Associação Palmense de Corredores de Rua, Guarda Metropolitana de Palmas, Coordenação de Juventude e Esportes de Palmas, Intercon, Ferpam, AABB, entre outros.

As inscrições estão sendo feitas no site: http://www.corredorderua.com.br/ e os interessados deverão realizar suas inscrições até o dia 14 de dezembro, dia em que serão encerradas as inscrições. A organização da prova informa ainda que após esse dia não se realizadas mais inscrições, assim como também não haverá inscrições no dia da prova.
As inscrições são de graça e no ato de entrega dos números, nos dias 15 e 16 de dezembro, os atletas, crianças e população em geral que participará da competição, terão a possibilidade de doar 1 kg de alimento não perecível, destinado a pessoas carentes de Palmas.
Os vencedores da Meia Maratona do Tocantins nas 10 edições anteriores foram os seguintes:
Resultados de 2010
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Eliésio Miranda da Silva (TO)
2º Wandson Sousa do Nascimento (PI)
3º Cassius Clay do Nascimento Carvalho (TO)

Categoria Adulto Feminino Geral
1ª Odineide Felix de Amorim (DF)
2ª Luciene Andrade Jesus (DF)
3ª Ilza Ana Barbosa Ferreira (TO)

Resultados de 2009
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Antonio José Nunes Junior (BA)
2º Mauro Teixeira Pinto (DF)
3º Antonio Wilson Sousa Lima (TO)

Categoria Adulto Feminino Geral
1ª Janete Gomes Barbosa da Cruz (GO)
2ª Luciene Antonia de Jesus (DF)
3ª Odineide Felix de Amorim (DF)

Resultados de 2008
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Jose do Nascimento Souza (GO)
2º Julius Kipkogei Busienei (ETI)
3º Eliésio Miranda da Silva (TO)

Categoria Adulto Feminino
1ª Janete Gomes Barbosa da Cruz (GO)
2ª Lydia Jerotich Rutto (ETI)
3ª Elivani Oliveira dos Santos (PA)

Resultados de 2007
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Eliésio Miranda da Silva (TO)
2º Fabiano Gomes dos Santos (PA)
3º Genilson Junior da Silva (DF)

Categoria Adulto Feminino Geral
1ª Vanda Carneiro Chagas (GO)
2ª Cruz Nonata da Silva (PI)
3ª Maria de Fatima Gomes da Silva (PI)

Resultados de 2006
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Manoel de Jesus Teixeira (BA)
2º Fabiano Gomes dos Santos (PA)
3º Genilson Junio da Silva (DF)

Categoria Adulto Feminino Geral
1ª Edielza Alves dos Santos (BA)
2ª Odineide Felix de Amorim (DF)
3ª Elivani Oliveira dos Santos (PA)

Resultados de 2005
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Deusimar Gomes - Paraíso (TO)
2º Eliésio Miranda da Silva (TO)
3º Gustavo Nicolas Pereira (DF)

Categoria Adulto Feminino Geral
1ª Marizete de Paula Rezende (GO)
2ª Odineide Felix Amorim (DF)
3ª Irismar Aranha (DF)

Resultados de 2004
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Deusimar Gomes - Paraíso (TO)
2º Arnaldo Salles - Brasília (DF)
3º Laurent Migaire (DF)

Categoria Adulto Feminino Geral
1ª Odineide Felix - Brasília (DF)
2ª Luciene A. de Jesus (DF)
3ª Elcir Rodrigues (MA)

Resultados de 2003
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Genilson Júnior - Goiânia (GO)

Categoria Adulto Feminino Geral
1ª Maria Sandra – Brasília (DF)

Resultados de 2002
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Arnaldo Salles - Brasília (DF)

Categoria Adulto feminino Geral
1ª Janete Barbosa - Anápolis (GO)

Resultados de 2001
Categoria Adulto Masculino Geral
1º Arnaldo Salles - Brasília (DF)
2º Deusimar Gomes Tomaz da Cruz (TO)
3º Genilson Junior da Silva (DF)

Categoria Adulto Feminino

1ª Josefa Madalena - Goiânia (GO)
2ª Elcir Rodrigues (MA)
3ª Hide Pires – Colinas (TO)