terça-feira, 7 de maio de 2013

Desafio da paz acontece no dia 26 de maio no Complexo do Alemão



Corrida celebra integração e respeito às individualidades

Um dos principais responsáveis pela nova realidade vivida desde 2011 pelos moradores do Complexo do Alemão, o Secretário de Segurança do Estado do Rio, José Mariano Beltrame, tem a melhor definição para o Desafio da Paz, que, no próximo dia 26, chega à quarta edição: "É muito mais do que uma corrida. É um movimento de integração". Autêntica celebração da paz e do respeito às individualidades, o Desafio, promovido pelo AfroReggae, demonstra que é possível transformar pessoas e locais por meio de iniciativas positivas, dando visibilidade aos 'invisíveis'. Em um evento que distribui um total de R$ 52 mil em prêmios aos campeões e campeãs, a vitória é de todos os que participam, correndo, andando ou ajudando na organização do evento. O valor da inscrição é R$ 60,00.

Lado a lado, ex-traficantes de facções rivais, forças militares, atletas de elite, atletas amadores, moradores de comunidades, artistas e formadores de opinião percorrerão os cinco quilômetros da corrida, que já inscreveu seu nome no calendário esportivo da cidade. Realizado pela primeira vez em 2011, o Desafio inclui em seu percurso a rota de fuga de traficantes da Vila Cruzeiro para o Morro do Alemão, imagem que ganhou o mundo na implantação das UPPs na comunidade.

"Sempre levantamos a bandeira de defesa das liberdades individuais e sempre apoiamos as chamadas minorias. Na cena que vemos hoje, no mundo, isso é tão importante quanto festejar a paz e o fim da ditadura da criminalidade", diz Fernando Medeiros, Coordenador de Esportes do AfroReggae.

Entre os vencedores das três edições anteriores do Desafio da Paz, atletas de elite, como Franck Caldeira, que conquistou o título da primeira prova, e Valério de Souza. Além deles, participaram da prova, entre outros, o ex-triplista Jadel Gregório e a maratonista Marcia Narloch. Ernando Januário da Silva e Neucilene de Oliveira Teixeira foram os campeões entre os moradores da comunidade que participaram do Desafio da Paz 2012, fazendo, cada um, jus a um prêmio de R$ 7 mil - mesma premiação dos campeões gerais.

A prova intercala trechos de terra com asfalto. Além das partes com piso acidentado, os corredores também terão de passar por locais bem estreitos e vielas dentro da favela.

Sobre o evento
O Desafio da Paz já faz parte do calendário esportivo da cidade. O evento teve a sua primeira edição em maio de 2011, no Complexo do Alemão, seis meses após a "retomada" pelas Forças de Paz. Na ocasião ganharam a prova: Franck Caldeira e Ednah Mukhwana (categoria geral) e José Carlos Barreto da Silva e Nelcilene Teixeira (categoria comunidade). A segunda edição aconteceu em janeiro de 2012, na Rocinha. Sagraram-se campeões Gilmar Silvestre Lopes e Jackeline Juma Sakilu (categoria geral) e Marcio Souza e Alba Valéria (categoria comunidade). A terceira edição, novamente no Complexo do Alemão, marcou outro momento importante para a comunidade: a chegada das UPPs ao local. Veja mais sobre o evento no link: https://vimeo.com/64897752


Mais informações:
RPM Comunicação
www.rpmcom.com.br
Paulo Roberto Matta - paulo@rpmcom.com.br
Flavia Flores - flavia@rpmcom.com.br
(21) 3478-7404 / 8272-2320
Luna Vale - luna@rpmcom.com.br
(21) 3478-7409/ 8222-0274