terça-feira, 9 de setembro de 2014

Cassius Clay e Elivanir Barbosa vencem a 6ª Mini Maratona da 1206 Sul



A Associação de Moradores da 1206 Sul (Antiga Arse 122), de Palmas, organizou nesta segunda-feira, 8, a 6ª Mini Maratona em comemoração ao aniversário da quadra. O evento contou com o apoio da Secretaria do Esporte do Tocantins.

A corrida foi realizada em volta da quadra. e os adultos percorreram 4 voltas, enquanto as crianças  e as crianças só uma. A largada da corrida aconteceu às 17 horas, na praça principal da 1206 Sul. 


A vencedora da prova feminina foi Elivanir Barbosa Borges com tempo de 33min05s e no masculino Cassius Clay do Nascimento com tempo de 23min58s.

Houve premiação com troféus, medalhas e dinheiro para os três primeiros colocados de todas as categorias.
 

A seguir os resultados completos:

Resultados da 6ª Corrida de Rua da Quadra 1206 Sul
Palmas, Tocantins
Data: 08/09/2014
Hora: 17h00

Categoria Infantil Masculino
1º Colocado: Nº 935 - Pedro Henrique Rodrigues. Tempo: 6min35s

Categoria Cadeirantes Masculino
1º Colocado: Nº 563 – Thalisson Vieira Gonçalves – 7min34s

Categoria Adulto Feminino
1ª Colocada: Nº 928 – Elivanir Barbosa Borges. Tempo: 33min05s
2ª Colocada: Nº 1003– Márcia Valéria A. Araújo. Tempo: 1h06min01s

Categoria Adulto Masculino
1º Colocado: Nº 520 – Casius Clay do Nascimento. Tempo: 23min58s
2º Colocado: Nº 1033 – Leandro Santos Silva. Tempo: 24min04s
3º Colocado: Nº 933 – Leoney Oliveira Gomes. Tempo: 24min25s
4º Colocado: Nº 1050 – Adelzir Lopes da Silva. Tempo: 26min44s
5º Colocado: Nº 530 – José Alves Cunha. Tempo: 26min56s
6º Colocado: Nº 921 – Flávio Ribeiro Messias. Tempo: 27min13s
7º Colocado: Nº 1022 – José Ribamar Sousa. Tempo: 28min20s
8º Colocado: Nº 923 – Mauro Lima. Tempo: 28min41s
9º Colocado: Nº 1029 – João Ivonaldo N. Silva. Tempo: 32min41s
10º Colocado: Nº 1052 – Lindomar R. Elias. Tempo: 34min05s
11º Colocado: Nº 539 – Guilherme Elias O. Silva. Tempo: 34min06s
12º Colocado: Nº 1024 – Mateus Barbosa de Queiroz. Tempo: 41min50s

Categoria Crianças Masculino
1º Colocado: Nº 490 – Phelipe
2º Colocado: Nº 916 – Icaro
3º Colocado: Nº 976 – Levi
4º Colocado: Nº 527 – Carlos
5º Colocado: Nº 518 – Geovany
6º Colocado: Nº 1005 – Kauan
7º Colocado: Nº 536 – Italo Kauan
8º Colocado: Nº 907 – Diogo
9º Colocado: Nº 1002 – Mateus Gabriel
10º Colocado: Nº 498 – Kauãn
11º Colocado: Nº 509 – Pedro Henrique



































Interpalmas vence 2ª Copa da Independência de Futebol 7 Society


Equipe Interpalmas


Equipe Palmas Sul

A Liga Palmense de Futebol 7 Society organizou neste domingo, dia 07 de setembro a 2ª Copa da Independência com participação de 7 equipes. A equipe Interpalmas sagrou-se campeã ao vencer a equipe Palmas Sul  pelo placar de 1 x 0 na cobrança de Shot Out, pois a partida terminou empatada em 1 x 1 no tempo normal.

O artilheiro da competição foi Gustavo Carvalho (Palmas Sul) com 2 gols e o melhor Goleiro José da Costa (Interpalmas).

A premiação foi a seguinte:
Equipe Campeã: R$ 300,00 + Troféus
Artilheiro: R$ 50,00
Melhor Goleiro: R$ 50,00

O candidato Carlão da Saneatins prestigiou o evento.

Realização: Liga Palmense de Futebol 7 Society e Associação de Moradores da Quadra 1.306 Sul e apoio da Federação de Beach Soccer do Tocantins. 









Tocantins conquista, no Judô, primeira medalha nos Jogos Escolares da Juventude

Jonas (quimono branco) observa o placar para ver a pontuação que alcançou com o golpe aplicado no rival do Distrito Federal. (crédito: Marcus Mesquita / Seduc)-
Poucas são as modalidades que possibilitam aos praticantes vivenciar a montanha-russa emocional que é vencer um desafio, sucumbir no próximo e se superar novamente nos seguintes chegando ao ápice do esporte: a conquista de uma medalha. Nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), disputados em Londrina (PR), muitos que disputam o Judô já passaram por esta provação e neste sábado, 6, Jonas Irwyng Ribeiro, aluno-atleta do Tocantins, foi um deles ao se tornar medalhista de bronze no peso-leve da modalidade.


Após estrear bem, com uma vitória sobre o judoca do Amapá, Jonas foi superado pelo aluno-atleta do Rio Grande do Norte, dando fim, temporariamente, ao sonho de conquistar mais uma medalha nos Jogos, visto que ele foi prata na edição do ano passado. “A primeira luta foi ótima; na segunda, eu entrei desligado, sem foco, e fui derrotado. Na hora, eu não acreditava que voltaria para a competição e fiquei muito triste”, contou o tocantinense. 

Com a derrota, restou a Jonas torcer pelo rival que o superou, já que uma nova vitória do adversário o traria de volta à briga por uma medalha, a partir da repescagem, o que veio a aconteceu! “Quando eu vi que o lutador que me venceu ganhou de novo, o Sensei Celso conversou muito comigo e eu liguei para os meus pais, que me deram nova força para conseguir ter foco de novo e lutar pelo bronze”, explicou o aluno-atleta. 

Repescagem
O caminho para a medalha não seria simples. A primeira luta da repescagem foi contra o representante do Paraná, vencido pelo tocantinense. Em seguida, foi a vez de um judoca mato-grossense ser superado por Jonas, que, com a vitória, garantiu a chance de disputar o bronze contra o aluno-atleta do Distrito Federal. 

Neste combate, Jonas conseguiu abrir o marcador com um yuko (pontuação mínima no Judô), mas que foi posteriormente retirado pelos juízes. Mesmo com o revés, o tocantinense manteve a concentração e superou o rival, que havia um shidô(penalização), garantindo, assim, a medalha para o Tocantins, o que ele pretende fazer nas próximas edições dos JEJ. “Este é o meu último ano na categoria 12 a 14 anos. Foram duas edições disputadas e duas medalhas, uma prata e um bronze. Agora, eu preciso treinar mais forte para melhorar a minha mente, porque tem hora que eu não entro rápido na luta e perco a concentração no combate. Mas eu quero conquistar mais medalhas nos Jogos Escolares”, afirmou o judoca tocantinense.  

Medalhista olímpico
Presente no local dos confrontos do Judô, o embaixador da modalidade nos JEJ e medalhista de prata nas Olimpíadas de Sydney em 2000, Carlos Honorato, fez questão de reconhecer o bom nível do Judô do Tocantins. “Eu já tive o privilégio de conhecer o Tocantins, de assistir um campeonato por lá e um treino também. Todos estão de parabéns por lá, o nível dos atletas tem crescido muito e a consistência deles nas competições são prova disto. Basta eles continuarem acreditando e se dedicando aos treinos que eles vão poder ter ainda mais sucesso no esporte”, ressaltou. 

Sensei Honorato também elogiou a competição. “Os Jogos são uma iniciativa muito boa. Daqui, sem dúvida, vão sair os futuros campeões pelo Brasil nas competições mais importantes do mundo. A Sarah Menezes e a Mayra Aguiar são duas judocas que passaram pelos Jogos Escolares e que já conquistaram de tudo um pouco no Judô mundial. Mas não é só na nossa modalidade que há campeões sendo formados; em todas as competições os alunos se aprimoram mentalmente, tecnicamente e saem daqui mais preparados para competir em alto-nível em qualquer lugar; eles dão show no que fazem”, concluiu o medalhista olímpico.

(Fonte: Marcus Mesquita / Seduc)

Ciclista de Gurupi é vice-campeã nos Jogos Escolares da Juventude


Bia se diverte ao morder a medalha conquistada. “Esta prata tem sabor de ouro”, garantiu a aluna-atleta. (crédito: Marcus Mesquita / Seduc)
 Todo atleta sonha em ser o número um na modalidade que pratica; esta é uma obstinação natural no mundo esportivo. Entretanto, há situações que fazem com que os competidores que alcançam outras colocações se sintam tão vitoriosos quanto os campeões. A ciclista tocantinense Ana Beatriz Nazeozeno passou por isto neste  domingo, 7, quando superou algumas adversidades e conquistou a medalha de prata na prova Estrada dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), categoria 12 a 14 anos, que estão sendo disputados em Londrina, no Paraná.

A superação da aluna-atleta começou no dia anterior, quando ela disputava a prova de Pontos e, devido a um acidente com outra ciclista, se desconcentrou, sofrendo uma queda forte, com impacto suficiente para rachar o capacete da competidora. Depois de ser avaliada pelo corpo médico, Bia, como é mais conhecida, foi liberada para disputar a última prova da competição, a Estrada, e decidiu que, mesmo com dores, participaria da briga pelo pódio.

Além da lesão sofrida no dia anterior, Ana Beatriz teve que enfrentar um domingo chuvoso, o que deixou os mais de três quilômetros de pista do Autódromo Internacional Ayrton Senna encharcados e escorregadios.
Mesmo assim, ela conseguiu se manter no pelotão de elite da prova durante toda a disputa (20 minutos, mais uma volta) conquistando, no fim, a vice-colocação, a menos de um segundo atrás da campeã, o que valeu como um título para ela. “Ontem [sábado, 6], eu estava liderando com folga, mas perdi por um vacilo meu, e terminei me machucando. Por causa da dor que eu senti o tempo todo, eu considero esta prata como um ouro, porque não sei se outra atleta iria continuar no campeonato sentindo o que eu estava sentindo. Mas eu me lembrei de ontem e quis me superar e consegui. Estou muito feliz com esta segunda medalha nos Jogos”, afirmou a ciclista, que foi campeã da prova por Pontos dos JEJ em 2013. Ela é aluna do Colégio Objetivo de Gurupi, conveniado à rede estadual.

Demais tocantinenses
Ainda no naipe feminino, Vitória Maria Rodrigues Fernandes, que também sofreu um acidente no dia anterior, sentiu dificuldade com a pista encharcada e com as dores no ombro esquerdo, finalizando a prova na 18ª posição dentre as 30 participantes.


No naipe masculino, a prova Estrada se dá em 35 minutos mais uma volta. O tocantinense mais bem colocado foi Maycon Douglas Silva Carvalho, que alcançou a 9ª colocação nos Jogos, dentre os 39 ciclistas na disputa.


Um pouco atrás no ranking final, Willians Bezerra de Andrade Júnior ficou na 13ª posição, mas foi cumprimentado por vários concorrentes e técnicos após concluir a prova, pois esteve sempre no pelotão de elite, foi derrubado por outro ciclista na última volta e, mesmo após a queda, buscou forças para montar novamente na bicicleta e ainda ficar próximo de alcançar os tops 10 na linha de chegada. (Marcus Mesquita/Seduc)

1ª Copa Escolar de FutsaL Sub-17 define os campeões



Terminou neste fim de semana dia 07/09 a 1ª Copa Escolar de Futsal sub 17, realizada na cidade de Guaraí entre os dias 05 a 07 de setembro. A competição contou com a presença de 12 equipes das cidades de Palmeiras do Tocantins, Araguaína, Colinas, Guaraí, Couto Magarlhães, Pequizeiro, Presidente Kennedy, Paraíso, Tocantinia, Wanderlândia. Foram 19 jogos onde o Colégio Estadual JK da cidade de Presidente Kennedy foi a campeã e em segundo lugar ficou o colégio Estadual Batista da cidade de Tocantinia e em terceiro lugar Colégio Estadual Raimundo Neivas de Palmeiras do Tocantins.

O  Colegio Estadual Jk, ganha o direito de estar representando o Tocantins na competição nacional valida para o Mundial escolar.

A FTDE como todos participantes ficaram muito satisfeito com a organização do Prof. Vanderlan Dora, o empenho, a vontade e o dinamismo foi surpreendente, com o Apoio da Secretaria do Esporte de Guaraí, na pessoa do professor Bruno que esteve com a gente o tempo todo dando o suporte necessário. Agradecemos ao Policia Militar que esteve nos protegendo.
A FTDE fez o convite a cidade de Guaraí para estar sediando a competição nacional escolar com a presença de pelo menos 20 equipes do Brasil, competição essa que vale vaga para o Mundial Escolar.
Temos todas as condições para realizar a competição, se a FTDE estar nos lançando esse desafio porque acredita no nosso trabalho, estarei reunindo os gestores para poder analisar o caderno de encargo e até o final do ano dar uma resposta. Falou Prof. Vanderlan Dora. Já o Presidente Luis Claudio disse - " a cidade de Guaraí demonstrou que estar preparada para sediar qualquer evento em nosso Estado, e com pessoas compromissadas e atuantes, e com o apoio do governo municipal e estadual, vamos lutar para trazer a competição nacional."
O Aluno Atleta da equipe de Palmeiras do Tocantins, que a competição estar sendo tão boa, pois estar fazendo novos amigos, o nivel estar alto e a comida é melhor que na nossa regional em Tocantinópolis, quero parabenizar o Luizão que convidou e deu a maior força para a gente vim. falou Daniel Guimarães. A FTDE estar cumprindo o seu calendário, ja realizamos o volei de Praia e o Futsal, próximos passos é Karatê e Basquete.
obrigado a todos.