segunda-feira, 12 de junho de 2017

Altobeli Silva faz índice para o Mundial no Troféu Brasil Caixa de Atletismo

10|06|2017 - 18:27 | Da Assessoria de Imprensa da CBAt


Altobeli Silva (Wagner Carmo/CBAt)


São Bernardo do Campo - Na última prova, uma surpresa para quem acompanhava o segundo dia do Troféu Brasil Caixa de Atletismo 2017, na Arena Caixa, em São Bernardo do Campo. Altobeli Silva (Pinheiros) venceu os 3.000 m com obstáculos e alcançou o índice para o Campeonato Mundial de Londres, com melhor marca pessoal e recorde do campeonato. 

Altobeli fez 8:26.06 neste sábado (dia 10) e quebrou a marca de Clodoaldo Lopes do Carmo, de 8:27.88, feita em 1992. O antigo recordista é hoje o treinador de Altobeli. Seu melhor resultado na distância era 8:26.30, feito em 2016 na final olímpica nos Jogos do Rio 2016.

"Decidi correr como uma criança, sem me preocupar com mais nada, e o resultado saiu. Assim, quebrei o recorde do Campeonato e fiz índice para o Mundial", disse o corredor.

Por sua vez, o catarinense Darlan Romani manteve o seu domínio no arremesso do peso. O atleta da B3 Atletismo venceu a competição pela sexta vez consecutiva, com a marca de 20,56 m, obtida em sua quarta tentativa.

Recordista sul-americano com 21,82 m, resultado estabelecido na semana passada, no Grande Prêmio Brasil, também em São Bernardo, Darlan mostrou-se feliz com a vitória: "Tivemos de diminuir a carga de treinamento depois do GP, e senti um pouco de cansaço. Agora vou me preparar para as próximas competições", prosseguiu o atleta, finalista nos Jogos do Rio 2016.

Darlan compete ainda este mês no Sul-Americano de Assunção, no Paraguai, e nas etapas de Lausanne (Suíça) e de Rabat (Marrocos) da Liga Diamante, em julho. "Estou no caminho certo e espero chegar ao Mundial bem preparado", comentou. 

No salto em distância feminino, a catarinense Eliane Martins (Pinheiros) conquistou o ouro, com 6,69 m, assumindo a liderança do Ranking Brasileiro da prova. "Espero muito defender o Brasil no Sul-Americano, a única competição internacional que me falta", disse a saltadora.

No decatlo, Jefferson de Carvalho Santos e Alex Aparecido Soares deram ao Pinheiros as duas primeiras colocações. Jefferson somou 7.776 pontos, seu melhor resultado pessoal, e ficou em primeiro, enquanto Alex fez 7.520 e terminou em segundo. "Estava com muita esperança de vencer e consegui", comemorou. "Tive muitos problemas com câimbras, mas ninguém faz decatlo se não sentir dores", completou o paulista, que conseguiu o recorde pessoal nos 100 m com barreiras e igualou sua melhor marca no salto em altura.

Jefferson, de 21 anos, líder do Ranking Brasileiro, espera representar o Brasil no Sul-Americano, quando pretende superar a barreira dos 8.000 pontos e tentar o índice de 8.100 pontos para o Mundial de Londres. Ele recebeu o troféu de campeão das mãos do prefeito Orlando Morando, de São Bernardo. Também participaram da premiação o vice-prefeito Marcelo Lima e o Secretário de Esporte e Lazer, Alex Mognon. 

"É um orgulho nossa cidade ser sede de uma competição tão importante como o Troféu Brasil. A nossa Arena Olímpica conta com o apoio da Caixa e o nosso município tem entende a importância do esporte", disse o prefeito.

Equipes - O Pinheiros e a B3 Atletismo travam uma verdadeira batalha pela liderança da 36ª edição do Troféu Brasil Caixa de Atletismo. Encerrada a 4ª etapa, o Pinheiros lidera com 301 pontos, seguido pela B3, que soma 252. A Orcampi Unimed é a terceira com 161. 

Pódio 4ª etapa - sábado tarde

Salto em distância feminino
1º Eliane Martins (Pinheiros) 6,69 m (1.6)
2º Jessica Reis (Orcampi Unimed) 6,49 m (0.6)
3º Nubia Aparecida Soares (B3) 6,33 m (0.7)

Arremesso do peso masculino
1º Darlan Romani (B3 Atletismo) 20,56 m
2º Willian Dourado (ARPA SJ do Rio Preto) 19,59 m
3º William Braido (Orcampi Unimed) 19,16 m 

Lançamento do disco feminino
1º Andressa Oliveira Morais (Pinheiros) 58,57 m
2º Fernanda Raquel Borges (B3 Atletismo) 57,16 m
3º Izabela Rodrigues da Silva (b3 Atletismo) 54,96 m

Decatlo
1º Jefferson Carvalho Santos (Pinheiros) 7.776 pontos
2º Alex Aparecido Soares (Pinheiros) 7.520
3º Nycolas Nascimento (ASA São Bernardo) 7.252

3.000 m com obstáculos feminino
1º Tatiane Raquel da Silva (B3 Atletismo) 10:22.00
2º Erika Oliveira Machado (Pinheiros) 10:22.95
3º Jessica Pellario Bueno (Orcampi Unimed) 10:51.15

3.000 m com obstáculos masculino
1º Altobeli Santos da Silva (Pinheiros) 8:26.06
2º Jean Carlos Machado (Pinheiros) 8:54.33 
3º Ronicesse Felix de Lima (ASA São Bernardo) 8:58.79

O Troféu Brasil faz parte do Programa Caixa de Competições, é organizado pela CBAt e FPA, com patrocínio da Caixa Econômica Federal e apoio da Prefeitura de São Bernardo do Campo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário