quinta-feira, 21 de julho de 2016

Campeonato Inglês 'copia' CBF, quer acabar com 'rodinhas' e pede mais cartões

ESPN.com.br
GETTY



Jamie Vardy com dedo em riste para Jonathan Moss; cena deve acabar na Inglaterra

O Campeonato Brasileiro virou modelo para a Premier League. Menos de uma semana depois de a CBF dar novas orientações para acabar com as ‘rodinhas' de reclamações ao redor dos árbitros, os ingleses mostraram que gostaram da ideia e também resolveram adotá-la.

Assim, pela primeira vez na história, todos os clubes do Campeonato Inglês vão se reunir antes do começo da próxima temporada para receber essas novas orientações.

"Esse mal comportamento está ressaltado. E todos acreditamos que temos a responsabilidade de promover o jogo em si como um todo", disse Martin Glenn, representando da Federação Inglesa de Futebol.
GETTY
Jogadores rodeiam Mark Clattenburg em jogo decisivo
Jogadores rodeiam Mark Clattenburg em jogo decisivo
Os alvos são claríssimos nas novas orientações: as reclamações excessivas dos jogadores. No ano passado, por exemplo, duas cenas ficaram famosas. A primeira de Jamie Vardy contra o árbitro Jonathan Moss, que acabou rendendo-lhe uma punição depois, e a segunda de jogadores de Chelsea e Tottenham rodeando o juiz Mark Clattenburg em clássico que acabou decidindo o título da temporada.
"Estamos dando um passo para mudar a forma como nossos jogadores se comportam e como eles são vistos ao redor do mundo. Isso é sobre jogadores, sobre técnicos, sobre árbitros. E começa com a aplicação das regras do jogo. Não é uma mudança de regras. As regras que já existem permitem que possamos lidar com esse problema", disse Richard Scudamore, chefe-executivo da Premier League.
E a tendência é que os cartões aumentem na próxima temporada, é claro. O pedido é esse. Ao menos até que os jogadores comecem a se comportar melhor.
Na última temporada, a Inglaterra teve média de 0,15 cartão vermelho e 3,1 amarelos por jogo. Médias muito melhores que as do Brasil: 0,25 e 4,5, respectivamente.
Por aqui, a orientação recebida na semana passada foi exatamente a mesma: evitar as reclamações. As orientações foram claras para que os árbitros evitem ‘rodinhas de jogadores reclamando', ‘dedo em riste', ‘gritaria no ouvido' e ‘jogador pedindo cartão para o adversário', por exemplo.
O Campeonato Inglês começa no próximo dia 13 de agosto e terá transmissão dos canais ESPN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário